Carne Suína, Mitos e Verdades

Carne Suína

A carne suína é a proteína mais consumida no mundo e o Brasil ocupa o 4º lugar na produção desse alimento, atrás apenas da China, da União Europeia e dos Estados Unidos. Esse produto é cercado de incertezas e mitos tão antigos que acabam confundindo qualquer consumidor. Acreditamos, portanto, que é necessário esclarecer algumas dúvidas, de uma vez por todas.
A criação de suínos remete a milhares de anos antes de Cristo e traz consigo alguns tabus quanto ao seu valor nutricional. Em algumas religiões e culturas seu consumo ainda é condenável. É evidente que a carne suína consumida há anos não possuía as mesmas características que o produto comercializado hoje e isso se aplica a todos as outras carnes, porém, ainda se mantém uma cultura muito leiga a respeito dela.
Para falar um pouco sobre os mitos que rodeiam a carne suína, convidamos a nutricionista Fabiana Benatti. Ela que é Bacharel, mestre e doutora em Educação Física pela EEFE-USP e bacharel em nutrição pela FSP-USP, possui Pós-doutorado no Laboratório de Avaliação e Condicionamento em Reumatologia da FM-USP; e Pós-doutorado no Centre of Inflammation and Metabolism/Centre of Physical Activity Research (CIM/CFAS) da Universidade de Copenhague, Dinamarca. Tem como linhas de pesquisa: nutrição esportiva, efeitos terapêuticos do exercício físico, inflamação e exercício.

carne suína

Ainda, vale ressaltar que a suinocultura investe forte em aprimoramentos genéticos, boas práticas de manejo e oferece ao animal uma nutrição balanceada, totalmente adequada aos melhores padrões de produção.

Agroceres Multimix. Muito Mais Que Nutrição

Caso  você não consiga visualizar a imagem, confira a lista sobre os mitos logo abaixo.

• A carne suína é mais calórica que as outras?
O valor calórico da carne suína depende do seu corte. Há cortes mais ou menos calóricos. O lombo, por exemplo, é uma carne tão pouco calórica quanto o peito de frango. Já a costela de porco, é um corte suíno mais calórico.

• O suíno vive no chiqueiro e se alimenta de lavagem?
A carne suína comercializada hoje vem em quase sua totalidade de granjas tecnificadas, com instalações que atendem aos mais altos padrões de higiene e saúde existentes. A biossegurança é uma das principais preocupações da atividade. A nutrição também passou a ser cada vez mais avançada: os animais são alimentados com rações especialmente desenhadas para atender suas necessidades e garantir um crescimento saudável e de alto valor nutricional.

• A carne suína carrega parasitas?
Como mencionado anteriormente, há uma grande preocupação com a segurança do alimento na suinocultura. Hoje, existem rígidos procedimentos de inspeção sanitária nas granjas suinícolas e na carne produzida. Sendo assim, uma carne que possui o selo do Serviço de Inspeção Federal (SIF) está livre de qualquer ameaça à saúde humana e tem sua qualidade garantida.

Carne suína malpassada traz riscos à saúde?
Bem como a carne bovina, desde que a carne tenha esse selo de segurança (normalmente o SIF), ela pode ser consumida mal passada. O selo ainda atende as legislações internacionais vigentes, o que auxilia a exportação de produtos de origem animal para vários países.

• É imprescindível lavar a carne antes de prepara-la?
É provável que muitas pessoas ainda tenham o hábito de lavar a carne para matar possíveis microrganismos ou cisticercos (vermes). Contudo, primeiramente, a carne suína desde que de boa procedência (com selo de qualidade), não conterá cisticercos, pois a inspeção sanitária destes produtos é muito rígida. Em segundo lugar, o próprio método de preparação da carne (assar, grelhar, etc.) já dá conta da eliminação de possíveis microrganismos em função das altas temperaturas. Logo, desde que boa procedência, não parece haver necessidade de lavar a carne suína antes de prepara-la.

• Temperar com limão diminui a gordura da carne?
Muitas pessoas acreditam que o limão tem a capacidade de “derreter” gordura, talvez por ser um alimento ácido. Contudo, a acidez deste, ou de qualquer alimento, não tem essa capacidade. Logo, não há a menor possibilidade do suco do limão diminuir qualquer tipo de gordura, de qualquer tipo de carne, incluindo a carne suína.

• É proibido comer qualquer carne suína após ter colocado piercing ou feito tatuagem (cicatrização);
Um dos grandes mitos que envolvem o consumo da carne suína é a crença de que ela é alergênica, mas isso não é verdade. A carne suína não é alergênica e não há qualquer comprovação científica para isso. Logo, ela pode ser consumida em qualquer etapa ou momento da vida.

• Faz mal comer carne de porco durante a gravidez?
Possivelmente em função dos diversos mitos que envolvem a carne suína, muitas pessoas ainda acreditam que ela não possa ser consumida durante a gravidez. Possivelmente, isso decorre do grande mito de que a carne suína transmite cisticercose. Primeiramente, sabe-se que é impossível a carne suína ou qualquer outro tipo de carne transmitir cisticercose. A única forma do ser humano adquirir cisticercose é por meio da ingestão de água, legumes ou verduras contaminadas, jamais pela ingestão de carnes. Durante a gestação, há sim a preocupação de que a ingestão de carnes mal passadas seja evitada, principalmente em refeições feitas fora de casa, a fim de evitar o consumo de microrganismos potencialmente prejudiciais ao bebê. Mas isso vale tanto para a carne suína, como para todos os outros tipos de carne, como uma forma de prevenção, já que muitas vezes não se tem absoluta certeza se a carne do restaurante escolhido tem boa procedência ou não. Afora este detalhe, não há qualquer problema em consumir a carne suína em qualquer etapa ou momento da vida. Aliás, se comer carne de porco durante a gravidez fosse maléfico, o que seria das gestantes europeias, onde a carne mais consumida na maior parte dos países é justamente a carne suína?

• A carne de porco não possui valor nutricional benéfico?
A carne suína, bem como outros tipos de carne, tem diversos nutrientes importantes para o crescimento e desenvolvimento do ser humano, como proteína de alta validade biológica, vitaminas do complexo B, zinco, selênio e creatina.

Agroceres Multimix. Muito Mais Que Nutrição

Edmo Carvalho

Edmo Carvalho

Edmo Carvalho é Gerente Nacional de Suínos da Agroceres Multimix

VOCÊ TAMBÉM PODE CURTIR...

1 Comentário

  1. VANDERLEI PEREIRA DE ALMEIDA disse:

    COMO CARNE SUÍNA A VIDA TODA, E INCLUSIVE SÓ COMO NA BANHA DE PORCO E ACHO EU QUE SEMPRE FOI MUITO BOM, MUITO SADIO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


7 + 7 =